terça-feira, 31 de julho de 2012

Drama caseiro

Lembram-se porque mudei o endereço do blog? Pois bem, os amigos do ex gajo andavam a ler e a colocar comentários anónimos. Mas, não foi tudo! A verdade é que vivo com 2 amigos dele, um que também considero meu amigo, outro que considero um parasita sem amigos, com dificuldades de integração quer em casa, quer no grupo de amigos ou no trabalho.

Este parasita, nesta mesma altura de que falei acima, andou a contar, na empresa onde trabalha (uma grande empresa onde alguns são conhecidos, mas outros não) detalhes sobre a minha vida privada, de coisas que ouviu no meu quarto. É verdade, contou até algumas frases sórdidas? que ouviu.
Só vim a saber porque o outro cá de casa contou à A. e ela  a mim me contou.
De certa forma até eram elogios a mim, mas wathever... privacidade, não?

Confrontei-o fez hoje 2 semanas.
Deve ter sido uma das maiores vergonhas da vida dele. Estava nervoso, encostado à parede da cozinha, como se não tivesse mais para onde fugir. Nem sequer lhe disse tudo o que queria pois achei que não valia a pena bater mais no ceguinho.

Não o vi durante estas 2 semanas. Passou o tempo todo no quarto, até jantava lá, o normal era ser na sala. Hoje recebemos mail a dizer que vai sair de casa. Um mail bem parvo, por acaso.
Por mim é bem melhor assim, que a confiança nele é zero. Nós os 3 damo-nos tipo família, ele sempre ficou à parte.

A única coisa chata é que nos leva o microondas e o ecrã plasma... Mas parece que o J. já se ofereceu pra comprar um novo. E eu não me importo de comprar o micro. Tal como respondi: "Tudo se resolve".

É um fraco. Nunca mais teve coragem de me olhar no olhos. E pelos vistos à A. também não. É bom que vá viver sozinho. 



Desabafo. E soube bem.

8 comentários:

Ssol disse...

Dos fracos não reza a história!!! A ver se agora arranjas um/uma "roommate" mais interessante;)

PinUp Me disse...

Bom tendo em conta a atitude infantil o resultado seria sempre esse... sair... :\

Andreia C disse...

Não se esperaria outra coisa...deixar passar era a única coisa que não poderias fazer ou correrias o risco de ver a tua vida na praça pública por tempos e tempos...

Só há uma coisa a dizer a esse senhor: "get a life!"

*C*inderela disse...

Há pessoas que deviam estar sempre caladinhas, enfim ...

Bjokas

L' Amoureuse disse...

Com pessoas dessas o melhor mesmo é distancia. :D bjs

Moa disse...

Gente parva! Pelo menos já te livraste desse!!

C. disse...

Oh lord. Eu juro que às vezes não entendo as pessoas..é o que chamo falta de vida própria!!

anf disse...

Aparece cada um na vida que enfim,
tudo se resolve é bem verdade,
beijinho