segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Grande Prémio do Natal, a corrida mais antiga de Portugal

Era para me estrear no Porto, mas aconteceu, ontem, no Grande Prémio do Natal.
Primeira prova de 10km concluída com sucesso.
Estava imensamente constipada, mas a verdade é que o nariz se desentupiu ainda nem tinha começado a correr.
Juro que ia cuspindo os pulmões ali no km8, ao 3º viaduto da Av. da República. Descer é tão fácil e subir? Vi-me grega pra chegar do último viaduto ao Saldanha.
Mas cheguei, muito graças à senhora que correu comigo sem me deixar desistir. *
Daí aos Restauradores foi sempre a descer.
Nunca a expressão "a descer todos os santos ajudam" assentou tão bem.

Cheguei com o tempo de:

1:07:53


Hoje fui ver a minha classificação.
Fiquei em 4141 (em 7500) - nada mau!

E prá semana já é a São Silvestre. Vai ser difícil bater este tempo... cheira-me.



* nota: a senhora pertence ao clube da corrida do meu ginásio. Não é treinadora mas corre há muito. E, basicamente, como era a minha primeira corrida fizeram questão de não me deixar sozinha. É mesmo importante este acompanhamento. Deu-me umas 10 dicas que me ajudaram.

4 comentários:

Dona de Casa disse...

Fantástico! Muitos parabéns, para a próxima desejo-te muita garra 😊

Gaja Maria disse...

Boa! Muitos parabéns. S. Silvestre vai ser com uma perna às costas, vais ver :)

N. disse...

Whaaaaaaaaat? :)
Isso quer dizer que quando eu ia a subir a Av. da Liberdade no final da prova nos havemos de ter cruzado.

Muitos parabéns!!! Conseguiste!!!
A sensação de cortar a meta é ou não é um espanto? :)

Love Adventure Happiness disse...

Qualquer dia falas da meia ou da maratona mesmmo :p