terça-feira, 29 de novembro de 2016

Os seres superiores deste mundo.

Há pouco fui à CMLisboa entregar uns desenhos em falta num processo.
Tinha falado com o arquiteto da câmara já duas vezes e achei-o super simpático, super atencioso.
Tal como ele me havia dito, cheguei à receção e disse que vinha falar com ele.
Perguntaram-me o nome e eu respondi.
A rececionista liga para ele e diz que "está aqui a menina L das horas para falar consigo".
Percebo que a senhora (já com mais de 50 anos) está a levar uma descasca por me ter chamado menina em vez de arquiteta.
Ela desliga o telefone e eu apresso-me a dizer-lhe que não tem mal, que não me importo.

Subo, pergunto onde posso encontrar o arquiteto e lá vou.
Mal chego à beira dele a primeira coisa que me diz é:

"Peço imensa desculpa pela maneira como a trataram. As pessoas realmente não se enxergam" - disse com um ar de ofendido.

Respondi que não tinha mal, pois eu é que não tinha dito que era arquiteta.
Fiquei-me verdadeiramente a sentir mal pela outra senhora. Há realmente pessoas que não se enxergam e se acham superiores. 
Se calhar até tenho que dar um ar mais profissional e começar a dar o meu nome com o título antes, mas nem acho que seja uma coisa assim tão importante.

13 comentários:

м♥ disse...

Isso é tão ridículo! Ainda noutro dia a ver uma série, a mulher diz "O meu nome é Doutora X" e o meu namorado diz-me, ironicamente: já viste que nome estranho lhe deram? Doutora... Lol. Foi uma piada mas que dá para ver o ridículo da situação. Detesto quando as pessoas se acham melhores por terem um título desse género, detesto que se sintam na necessidade de falar sobre isso. Eu nunca me apresentaria a ninguém, mesmo que em contexto profissional, como me chamando Doutora, arqueiteta, engenheira, advogada X. É estúpido. Eu tenho um nome próprio, o meu cargo ou a minha formação académica/profissional não precisam de ser mencionados a cada interação. Uma coisa é dizer, numa situação profissional, "Sou a pessoa x, sou arquiteta, vinha falar com o arquiteto y" outra é fazer a apresentação logo como "Arquiteta x". Parece pedante, só para dar nas vistas, não sei. Não gosto.

Tim disse...

a pessoa de certeza que não o fez por mal

Agridoce disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Agridoce disse...

País de gente pequenina!... Sempre que me tratam por doutora (e fazem-no muito), tenho vontade de responder que ainda não fiz o doutoramento, só o mestrado... Não permito mesmo que me tratem por doutora. Nunca! Não o sou, e não gosto :)

Mas trabalho num meio em que há muito isso, muitos doutores, muita subserviência... Não tenho paciência!

Joana disse...

É das tais coisas... Só em Portugal mesmo.
Por aqui na Suécia não se usam títulos e trata-se toda a gente por "tu" :) demorei a convencer o namorado (Sueco) que eu estava a falar a sério quando lhe contei que em Portugal usamos "senhor" ou "senhora" ou "dona" quando falamos com pessoas mais velhas. Achava que estava a brincar com ele!

Ssol disse...

E quando ligas para qq lado a perguntar pelo Sr. Fulano e do outro lado te dizem, Sr. não, Doutor Fulano??? Isso tb é ridículo...

Dona de Casa disse...

São os doutores da mula russa....

N. disse...

Uma amiga minha lutou arduamente com o banco onde tinha conta para pararem de lhe enviar os cartões multibanco com a designação de "Eng." antes do nome. Dizia precisamente que o primeiro nome dela não era Engenheira, mas sim Filipa. Perdeu a luta. Isto foi há mais de 10 anos atrás. Há coisas que não mudam...

Susana disse...

Obrigada pelo seu comentário no meu humilde blogue Sra Arquitecta!!!!

Moa disse...

Mesmo! E ela foi tão querida ao chamar-te menina :)

Jo disse...

Continua a dar-se demasiada importância a estas "coisinhas"...

Meg disse...

E não é. É só parvo insistir no tratamento por Dr. ou por arquiteto, ou por engenheiro..whatever. É por essas e por outras que depois temos assessores do governo e secretários de Estado a aldrabar licenciaturas. Porque estupidamente achamos que quem é dr. é mais que os outros...:s

Love Adventure Happiness disse...

Ele é que não se enxerga!!! Mania das cagonisses!