segunda-feira, 21 de julho de 2014

Serviço nacional de saúde

Todo o mundo se queixa do nosso SNS.
Que pagamos impostos e os mesmos não revertem a nosso favor.
Pois bem que, eu, L. das horas, venho aqui demonstrar como isso não é bem assim... 

30 maio - Ecografia no privado. 1ª suspeita.
2 junho - consulta no privado. Encaminharam-me para o público.

16 junho - 1ª consulta em S. José (como o médico ia 2 semanas de férias, só saberia alguma coisa a 14 de julho)
22 junho - biópsia e ressonância magnética.
26 junho - o médico liga a dizer que conseguiu o resultado dos exames anets de ir de férias (só 3 dias depois de os ter feito...)
27 junho - 2ª consulta em S. José. A confirmação do tumor malígno. Cirurgia marcada para dia 17 julho.
30 junho - vou à MAC saber informações sobre a preservação ovárica. Abrem-me processo e faço logo exames.
2 julho - pré-operatórios (raio-x ao tórax, eletrocardiograma e análises) e consulta de anestesia.
11 julho - volto à MAC. Consulta de anestesia. Análises.
14 julho - 3ª consulta em S. José.
             - internamento para cirurgia (que foi adiantada 2 dias).
15 julho - cirurgia.
20 julho - 4ª consulta. Estou a cicatrizar tão bem que a quimioterapia prevista para setembro já poderá começar daqui a 3 semanas... sempre a mudarem-me os planos!!! Mais rápido começa, mais rápido acaba. 

Tenho já consulta marcada para a próxima sexta feira. E os resultados do tumor extraído saem daqui a uma semana.
Mais rápido que isto, realmente, não podia ser.

Sobre o meu internamento (de 4 dias) só tenho coisas boas a apontar.
Fui muito bem recebida, as instalações embora gigantes e antigas (26 camas é verdade...) estavam constantemente a ser limpas e o pessoal todo, desde médicos, enfermeiros, auxiliares e limpeza, foram impecáveis. Muita simpatia, muita paciência para as doentes, muita boa disposição e profissionalismo. A cama era mudada todos os dias, ou mais vezes se estivesse suja; a comida era muito boa!! Tenho  certeza que os 2 dias em jejum não compensaram o que comi nos restantes... Tive direito a escolher se queria carne ou peixe ou se queria fruta crua ou assada, em todas as refeições; tive fisioterapia para o meu braço todos os dias que lá estive e disponibilizaram-se para me ensinar a massajar as cicatrizes, daqui para a frente.

Gostei de lá estar.
Fui extremamente bem tratada.

E os azulejos nas paredes? Lindos! Ajudaram a estar sempre bem disposta ;)

Momentos instahospitalres :P



Sabiam que só a quimioterapia custa aproximadamente 36.000€ por doente?
Nenhum doente oncológico paga o que quer que seja. Nem sequer taxas moderadoras...


Esta foi a minha experiência, não quer dizer que sejam todas assim...

26 comentários:

L. disse...

Concordo plenamente contigo, felizmente nunca precisei de ser internada, mas nas minhas deambulações pelo centro de saúde nunca tive nada a apontar!

Moa disse...

Durante a gravidez fui acompanhada apenas no SNS e não tenho razão de queixa, assim como do parto que como sabes podia ter corrido muito mal se não fosse a rápida intervenção da equipa médica de serviço. Tb só tenho a dizer bem, assim como do acompanhamento que a Moazinha está a ter. Olha que tenho admg e mesmo assim prefiro o SNS. Que continue tudo a correr tudo bem contigo! Força e beijo grande

Jo disse...

Ainda bem que tens tido uma experiência positiva nesse campo. Também estive, há uns anos, internada num hospital público durante uns quantos meses e também não me posso queixar: sempre fui bem tratada, fiz os exames e tratamentos possíveis, a comida era bastante agradável...

Alexas disse...

Eu também tive um bom episódio com o SNS, não directamente comigo, mas com o meu pai. Foi tudo impecável e fico muito feliz por saber que contigo correu também às 1000 maravilhas (perante a situação toda). Envio-te um grande beijinho e muita energia positiva :))

Joana Amaral disse...

Mando energia positiva ao vento, para chegar a ti ;)

LP disse...

Também não me posso queixar, sempre fui bem atendida. Infelizmente já o meu namorado não pode dizer o mesmo.. É como em todo o lado, há bons e mais profissionais.

disse...

Ainda bem que tens sido bem acompanhada no SNS. Estas experiencias positivas também são muito importantes, dado que geralmente só se fala mal.
Continuação de muita força! Tudo vai correr bem :)

Miss Memories disse...

Que bom! Já basta toda a situação, o mínimo é ter um bom atendimento e devia ser assim em todos os serviços onde se lida com pessoas... O importante é que correu tudo bem :)
p.s. Gostei da parte de fisioterapia todos os dias :) my job!

PinUp Me disse...

Correu tudo bem e continuas animada. É fabuloso! No meio de tudo isto o que interessa é chegar aqui e sentir esta boa vibe. És uma lutadora como conheci poucas na vida e vais vencer! Não, não é cliché

Um forte beijinhO!

Doyle disse...

A grande maioria das pessoas da área de saúde no público, gostam muito daquilo que fazem, trabalham com gosto, disso não tenho a mais pequena dúvida.
Ainda bem para ti que tem corrido tudo muito bem. Se te continuam a trocar as voltas e a te adiantarem as coisas, num instante tudo passa e nem vais perceber como ;)
Beijinho muito grande. Continua assim linda, positiva e com um sorriso no rosto.

Inspired disse...

Deixa lá... trocam-te as voltas mas até é melhor assim: tudo rápido! :D Felizmente, em Portugal, os casos oncológicos costumam ser tratatos rapidamente! Mas nem tudo é assim...
Muita força minha querida!!!
Beijinhos enormes!

Urban Cat disse...

Eu sei que os tratamentos são muito caros, a minha mãe já tinha comentado comigo. Quanto à isenção...na altura em que a minha mãe estava a fazer quimio, ficou a saber que haviam benefícios fiscais - se é que se pode usar a palavra benefício numa situação destas - quando foi às finanças pagar o selo do carro e a senhora lhe disse que ela estava isenta. A minha mãe na altura pensou: WTF? Isenta porquê? Ao que a senhora responde, porque na sua ficha indica que é doente oncológica. Lá em casa, sempre gostamos de borlas mas...esta tem um sabor agri-doce :/

Ainda bem que foste bem tratada no H. S. José, senão ia lá dar-lhes uma coça :)
Beijinhos L.

L. das horas disse...

Sim, há muitos benefícios! Há benefícios no IRS, não se paga iva na compra de um carro, há facilidade no crédito à habitação... Ainda não tratei disso, mas no meio de tanta coisa má dão-nos estes bónuzinhos... claro que vou aceitar!

L. das horas disse...

Ai Pin que eu coro! Um beijo gigante!

L. das horas disse...

Agora faço os exercícios sozinha ;)

Maria disse...

Sempre animada!!! :):):)

Odiacomigo disse...

O serviço público não é tão mau como anunciam. Infelizmente tem enfrentado muitas dificuldades, mas mesmo assim, os recursos humanos têm feito o possível e o impossível para as minimizarem. Também passei por uma cirurgia (bem delicada) recentemente e sim, só tenho bem a dizer. Fui tratada com todo o profissionalismo e carinho. Felizmente, a minha enfermaria era bem mais pequena (6 camas) e os cuidados intermédios, onde estive dois dias, tinha 8 camas.
As melhoras e que tudo corra bem!

Fashionista disse...

Muita força! As melhoras

ModaElegânciaEstilo disse...

Também acho o mesmo que tu, tive familiares internados que dizem o mesmo.

Minha querida que te corra sempre tudo pelo melhor, e que tudo o que tas a passar passe rápido. Estou a torcer por ti. Mal te conheço e sinto preocupação...

Muita muita força!!!

Benedita disse...

Fico feliz que a tua experiência, dentro de uma questão que é tão delicada, tenha sido tão positiva! Que bom querida L.! E a esperança que levas a quem te lê, que infelizmente está a passar, ou a quem, ainda sem saber, talvez venha a passar por uma situação semelhante. És e serás com toda a certeza, uma fonte de energia positiva, não só para quem tem o prazer de privar contigo, mas também para quem por aqui, te acompanha.
Beijinho grande

LauLau disse...

eu não sabia de nada desculpa....
mas vai correr pelo melhor vais ver, tenho uma grande amiga que passou pelo mesmo e ta ai pas curvas :)
eu fico por aqui a acompanhar-te agora mais de perto, porque regressei aos blogs com mais tempo

beijinhos'

L. das horas disse...

Oh querida obrigada. Eu vou mantendo toda a gente informada ;P

L. das horas disse...

Lau, não tens de pedir desculpa! Estiveste mais ausente e não te apercebeste :) Ainda bem que tens um caso de sucesso para me contar! É nesses que eu me baseio ;)

Obrigada!!

Diana Machado disse...

Realmente é óptimo que tenha sido tudo feito rápido de seguida, por vezes não acontece nada assim e as pessoas vão piorando sem saberem o que realmente têm. Acho que tens muita energia e muita perseverança apesar de ser a primeira vez que leio o teu blog e nem te conhecer mas parece-me que vês muito o lado positivo das coisas, isso é maravilhoso. Muita força, e boa sorte com tudo.

L. das horas disse...

Obrigada Diana! Até eu descobri que sou ainda mais positiva do que o que pensava :P beijinhos!

Joana disse...

A minha irmã (lá estou eu de novo a falar dela...) costuma elogiar muito o IPO do Porto. Acho que não tem nenhum motivo de queixa. É bom saber que ainda há serviços públicos que funcionam bem. Estou a gostar muito do teu cantinho, e vou seguir. Deixo-te também o link para o blog da minha mana, que ela criou quando ficou doente... http://hodgkin-logoexisto.blogspot.pt/
Beijinhos